top of page

As armadilhas da multitarefa



A multitarefa e o mito da produtividade 


No nosso mundo hiperconectado, tecnológico, acelerado e insano, existe a ideia de que fazer multitarefa é produtivo, eficiente e permite aproveitar melhor o tempo. Falamos ao telefone e fazemos algo no computador ao mesmo tempo, supostamente participamos de uma reunião enquanto checamos notificações do celular, respondemos e-mails ao mesmo tempo em que damos papinha para o bebê…. Mas isso é mito. A neurociência tem estudos que implodem essa ideia e mostram que a multitarefa, especialmente aquelas com atividades pensantes, complexas, têm efeitos contrários aos que se acredita. Vou citar três  conclusões:


1. Multitarefa não economiza tempo 

Na verdade, desperdiça tempo.  O nosso cérebro não é dual chip. Ele só pode pensar em uma coisa a cada instante. Quando tentamos fazer duas tarefas complexas simultaneamente, na verdade estamos mudando o foco de uma tarefa para outra e isso é pingue-pongue de atenção, com todos aqueles efeitos indesejáveis que eu mencionei no episódio 1. Estudos mostram que as pessoas demoram mais para concluir duas atividades simultaneamente do que uma por vez. 


2. Multitarefa reduz a produtividade no trabalho

Além de consumir mais tempo para a conclusão das tarefas, a multitarefa também induz a erros por falta de atenção. Um neurocientista chamado Earl Miller, do famoso Instituto de Tecnologia de Massachusetts, afirma que a perda de produtividade pode ser de até 40%.


3. Multitarefa provoca agitação mental, que provoca ansiedade

Nem preciso dizer mais nada. Observe isso em você mesmo.


E tem mais uma!


4. Multitarefa reduz nossa capacidade de percepção

Ela provoca um efeito chamado de “cegueira atencional”, e a gente pode não ver nem o que está na nossa cara. Na Universidade Western Washington fizeram uma experiência divertida: colocaram um palhaço de circo andando de monociclo num caminho movimentado do campus. Imagina a cena! Pois acredita que 75% das pessoas que passaram por ali enquanto falavam ao celular não viram o palhaço? Pois é. Enquanto faz multitarefa, você pode olhar e não ver. 


Agora, a pergunta que não quer calar: se a multitarefa prejudica a atenção no que estamos fazendo e no que acontece à nossa volta, também não prejudicaria a atenção em nós mesmos? Também não prejudicaria a nossa autoconsciência? Sim. A multitarefa é mais um hábito da nossa vida moderna que reforça o alheamento, a distração de nós mesmos. Se você quer ser um ser humano autoconsciente, evite a multitarefa.


Este conteúdo foi extraído do episódio 2 - “As armadilhas da multitarefa” do Autoconsciente Podcast. 


Comments


bottom of page